Seu site está pronto para a “era dos mobiles”? • bhbit | Soluções para o Terceiro Setor

Seu site está pronto para a “era dos mobiles”?

Tecnologia

jun 08
site terceiro setor

Seu site está pronto para a “era dos mobiles”?

Se o seu site ainda não é responsivo, então é bom correr, pois você está deixando de lado os 31% dos brasileiros que acessam a internet via celular. Todas as informações do seu site, o layout e os canais de interação podem, e devem, ser acessados e utilizados por meio de smartphones e tablets. Para isso, eles precisam estar adaptados aos diferentes tipos de dispositivos móveis e fixos.

São essas as funções que caracterizam o chamado site responsivo, também conhecido como site flexível, que adapta sua aparência e disposição de informações de acordo com o tamanho da tela em que o site é exibido. Isso significa que se a pessoa que acessou o site está visualizando as informações por meio de um celular, que tem uma tela pequena, os elementos vão se organizar automaticamente, colocando os dados mais importantes em primeiro lugar, facilitando a navegação e permitindo o acesso a todas as informações.

white paper gestão financeira terceiro setor
INFORME

6 MOTIVOS PARA DIZER ADEUS AO GERENCIAMENTO FINANCEIRO COM PLANILHAS

Download gratuito deste Informe.

Isso é tão importante na era atual que o Google anunciou recentemente que realizou mudanças em seu algoritmo para favorecer os portais que são “mobile-friendly”, ou seja, amigáveis com dispositivos móveis. Isso significa que os mecanismos de busca passaram a favorecer o site responsivo, que se adapta automaticamente aos diferentes tipos de dispositivos. Desde abril deste ano, quando a busca é feita de um mobile, os sites que não são responsivos nem são citados no ranking do Google.

52,5 milhões de brasileiros acessam a internet pelo celular

Pesquisas recentes mostram que os usuários de mobiles não têm paciência para sites que não estão prontos para serem acessados a partir destes dispositivos. Sete em cada dez usuários que acessam os portais via celular afirmam que esperam a página abrir por no máximo cinco segundos. Além disso, 40% dos internautas garantiram que não voltariam a acessar os sites que apresentaram dificuldade de serem visualizados em seus celulares ou tablets. Isso demonstra que se um usuário tiver dificuldades para abrir um site ou tiver restrições de navegação, ele mudará rapidamente de página.

Uma pesquisa divulgada no último ano pelo Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic.br) mostrou que o número de brasileiros que se conecta à internet por meio de celulares cresceu 106% nos últimos dois anos e chegou a 52,5 milhões de pessoas em 2014.

Esses dados significam que 31% da população do país utilizam equipamentos móveis para visualizar os sites, ou seja, quem não estiver com o portal preparado para atender esses usuários, estará perdendo uma grande clientela, e as entidades do terceiro setor estarão perdendo uma grande oportunidade de terem seu trabalho divulgado e, consequentemente, financiado, além de conseguir mais voluntários e mais assistidos.

As informações desta pesquisa foram divulgadas pelo Jornal Folha de S. Paulo em 2014, trazendo um grande alerta para aqueles que ainda não se atentaram a preparar seu site para esta nova era mobile. Mas antes de buscar esta flexibilidade, é importante ficar atento a algumas questões.

Marketing digital aumenta a visibilidade na web

Não basta apenas se tornar flexível. Um site responsivo precisa ter as informações corretas, em uma ordem estratégica para atrair a atenção do internauta e mantê-lo na página, criando um engajamento.

O primeiro passo deve ser criar um plano de marketing digital, com uma análise detalhada do público-alvo, objetivos e área de atuação da empresa ou entidade. Em seguida, é realizado um planejamento estratégico.

Esta análise será importante para que seja detectado qual o público-alvo de uma entidade ou empresa e, consequentemente, quais as mudanças necessárias para que seus sites fiquem nos primeiros resultados do Google e demais ferramentas de busca quando o usuário procurar por determinadas informações.

Isso é possível utilizando palavras-chaves específicas, com conteúdo de qualidade, criando uma rede de links e, claro, contando com um site responsivo que permitirá uma visualização ideal da página em qualquer dispositivo.

site responsivo

Como fazer um site responsivo perfeito para qualquer dispositivo

Para ter um site responsivo não é necessário fazer um layout diferente para cada dispositivo, até porque hoje o mercado conta com uma diversidade enorme de smartphones e tablets, com inúmeros sistemas operacionais, tamanhos de tela, browsers diferentes, etc. Antigamente, quando o acesso era feito somente pelo computador de mesa, o chamado desktop, que contava com monitor com resolução 1024×768, o padrão de 960 pixels era considerado ideal para um site. Hoje este valor não significa mais nada.

A criação de um site responsivo exige a detecção de fórmulas inteligentes para adaptar o site para os mais diversos tipos de dispositivos. É neste momento que um suporte profissional se torna importantíssimo, ainda mais quando consideramos que o Google também dará mais destaque aos sites que, além de responsivos, consigam se adaptar à internet móvel, ou seja, eles precisam ser leves e dinâmicos.

Todo este trabalho, que vai desde o plano de ação de marketing digital até a criação do site responsivo e flexível, também precisa de gerenciamento de conteúdo para que o portal seja bem ranqueado nos mecanismos de busca, ou seja, o trabalho será completo com a otimização para os buscadores e uma hospedagem na nuvem, que garantirá fácil acesso dos gerentes ao portal. Para uma atuação qualificada na internet, é fundamental contar com o apoio de profissionais habilitados e antenados às principais tendências do mercado.

Terceiro setor na era mobile

As iniciativas de otimização de sites para a era mobile são importantes para qualquer empresa atualmente, mas se tornam ainda mais essenciais para o terceiro setor, já que estas entidades precisam ser vistas para garantirem não somente sua atuação na sociedade, mas também a manutenção de doações e financiamentos, além de novos voluntários.

A tecnologia é uma grande facilitadora. Vale a pena utilizá-la para as mais diversas funções, mas é fundamental que ela seja sempre pensada com foco no usuário, ou seja, preparada para atender as necessidades das pessoas que de fato irão utilizá-las. Um site responsivo atende a demanda do internauta de mobile e torna a experiência agradável, abrindo as portas para um novo tipo de relacionamento.

14 Dias para avaliar o mais moderno software do 3º Setor

x